+

Folder
digital

Notícia

 

01/04/2019
Leilão é sucesso, mas vem 'entressafra'

Com ágio de 100,92%, a Rumo Logística arrematou o trecho central da Ferrovia Norte-Sul, de Porto Nacional (TO) a Estrela d'Oeste (SP). A empresa, que pertence ao Grupo Cosan, pagou R$ 2,72 bilhões para operar 1,53 mil quilômetros de estrada de ferro por 30 anos. A outorga mínima prevista em edital era de R$ 1,353 bilhão. Proposta de R$ 2,065 bilhões da VLI, que tem como sócios Vale, Brookfield, Mitsui e FI-FGTS, foi derrotada.

Os leilões de março na área de infraestrutura foram um sucesso, com a oferta de 12 aeroportos, 4 terminais portuários e da Ferrovia Norte-Sul. Vem aí, porém, uma "entressafra" nessa área. A reunião do conselho do Programa de Parcerias de Investimentos (PPI), que deve repor o estoque de ativos para concessões, vem sendo seguidamente adiada.

Fonte: Valor

voltar