+

Folder
digital

Notícia

 

12/03/2019
China lidera o ranking Top 10 das exportações brasileiras no primeiro bimestre de 2019
A China liderou com ampla margem de folga o ranking Top 10 das exportações brasileiras no bimestre janeiro-fevereiro e foi o destino final de 23,8% das vendas externas do País, no total de US$ 8,32 bilhões. As exportações para o país asiático totalizaram quase o dobro dos embarques para o segundo colocado dessa relação, os Estados Unidos, que absorveram mercadorias brasileiras no valor de US$ 4,47 bilhões, correspondentes a 12,8% de todo o volume exportado pelo Brasil para terceiros países no período. Os dados são da Secretaria de Comércio Exterior (Secex) do Ministério da Economia.

A grande novidade no grupo dos dez principais mercados para os produtos brasileiros é a presença do Panamá, que ocupou o quinto lugar nesse ranking, graças a um aumento de 1.404,5% em comparação com o mesmo período de 2018. Nos meses de janeiro e fevereiro, o Panamá importou US$ 1,38 bilhão em produtos brasileiros e superou parceiros importantes e tradicionais, como a Alemanha, Chile, Japão, México e Itália, entre outros.

A relação dos dez principais mercados para os produtos brasileiros nos dois primeiros meses de 1019 e suas respectivas participações no volume total exportado pelo Brasil são os seguintes:

1.China: US$ 8,32 bilhões (alta de 30,4% e participação de 23,8%)
2.Estados Unidos: US$ 4,47 bilhões (+8,5% e participação de 12,8%)
3.Argentina: US$ 1,54 bilhão (queda de 42,5% e participação de 4,42%)
4.Países Baixos: US$ 1,39 bilhão (queda de 55,8% e participação de 3,98%)
5.Panamá: US$ 1,38 bilhão (+1.404,5% e participação de 3,97%)
6.Alemanha: US$ 898 milhões (+12,1% e participação de 2,57%)
7.Chile: US$ 797 milhões (queda de 17,2% e participação de 2,28%)
8.Japão: US$ 747 milhões (+17,3% e participação de 2,14%)
9.México: US$ 664 milhões (+18,6% e participação de 1,90%)
10.Itália: US$ 658 milhões (+13,1% e participação de 1,89%)

Fonte: Comex do Brasil

voltar