+

Folder
digital

Notícia

 

11/05/2020
USP e Marinha produzirão aparelhos respiradores em até 2 horas

Uma alternativa à importação de respiradores da China para o tratamento de pacientes da COVID-19, a Universidade de São Paulo (USP) e a Marinha do Brasil produzirão em escala o ventilador pulmonar emergencial Inspire, desenvolvido pela Escola Politécnica da universidade. O equipamento pode ser montado em até duas horas.

De acordo com o diretor do Centro de Coordenação de Estudos da Marinha em São Paulo, capitão-de-mar-e-guerra Paulo Henrique da Rocha, as instalações para produção já estão sendo montadas. Os testes de produção para o primeiro lote sairão nos próximos dias. E a previsão é que em duas semanas os aparelhos já sejam distribuídos. A estimativa é de 25 a 50 ventiladores pulmonares montados ao dia.

O Inspire é um ventilador pulmonar emergencial de baixo custo, livre de patente, e que pode ser produzido em até duas horas, com tecnologia nacional, sendo mais barato dos que os aparelhos disponíveis importados hoje disponíveis no mercado.

De acordo com a USP, o respirador foi aprovado em todos os modos de uso e não houve nenhum problema com os pacientes ventilados. O aparelho foi registrado com uma licença open source, que permite a qualquer pessoa ou empresa acessar o protocolo de manufatura e fabricá-lo, bastando, para tanto, obter uma autorização da Anvisa.

Fonte: Focus

voltar